segunda-feira, 4 de maio de 2009

quarto-cor-verdeEla olhou para a sua casa, agora que a via quase pronta. Finalmente podia ver a sua visão, o seu sonho quase concretizado. Não havia palavras para descrever o que ela sentia.

O sol já estava fraco e ao longo de toda a casa, uma camada de mistério, uma patine de magia, ia-se acumulando nos recantos, nos corredores, nas salas, nos quartos. Ela gostava mais da casa assim, com menos luz, mas com muito mais encanto. Aproximou-se da janela do quarto principal para poder ver o sol dar lugar à lua. Afastou os cortinados verde secos e apreciou o toque suave do chenile na sua mão, nos seus dedos.

Por alguns segundos questionou-se como é que havia pessoas capazes de gostarem de ver janelas despidas. Para ela, uma casa só se tornava num lar quando se vestia e apenas assim, uma casa podia tornar-se acolhedora. A única coisa que, quando nua, se torna convidativa, é a pele de um corpo masculino, sobretudo se estiver estendido num dos seus macios sofás, ou lençóis e agora que a casa estava quase como ela idealizara, teria que tratar disso também.

Categories: , , , , ,

6 Ideia(s):

Anónimo disse...

Um dia irei ser como tu e ter a capacidade de ver o homem como um objecto de decoração que fica bem sobre o meu sofá e que me trás conforto.

Achei hilariante...

Obrigada,

Ana Aguiar

Piloto Automatico disse...

Olá,
Em resposta à tua pergunta sobre o que é o iBoob:

1º aqui: http://velocidadedecruzeiro.blogspot.com/2009/04/novo-iboob-da-apple.html

2º aqui:
http://velocidadedecruzeiro.blogspot.com/2009/04/inutiidade-do-i-boob.html

3º aqui:
http://velocidadedecruzeiro.blogspot.com/2009/04/i-boob-efeitos-secundarios.html

4º aqui:
http://velocidadedecruzeiro.blogspot.com/2009/04/i-boob-morte-de-um-mito.html

e por fim, 5º, aqui:
http://velocidadedecruzeiro.blogspot.com/2009/04/i-boob-nova-aplicacao-para-i-phone-fim.html

Happy to be of service ;)
Bjs
F

Iris R. Costa Barroso disse...

Ana,

Bem vinda, como sempre. Poucas pessoas reparariam nesse pormenor.

É sempre bom saber que existe alguém como a Ana a ler o meu blog.
Não sei se já reparaste, mas ando a postar mais o Ele e Ela.

Obrigada!

Iris R. Costa Barroso disse...

Piloto,

Obrigada, já fiquei mais esclarecida.

Abraços.

Vulgar disse...

da mulher objecto... ao homem objecto... parece que não somos mais que objectos... animados.
bjs

Iris R. Costa Barroso disse...

Vulgar,

Creio que somos todos objectos neste palco de marionetas...

Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!